Matheus Alves, Estudante de Direito
  • Estudante de Direito

Matheus Alves

Rio de Janeiro (RJ)
1seguidor3seguindo
Entrar em contato

Recomendações

(16)
D
Doni S.
Comentário · há 21 dias
[este comentário foi editado para corrigir expressão equivocadamente suprimida e para acrescentar trechos]

Edvaldo Sacramento, acho complicado repetir mantras como "condenação injusta", "preso político", "lula livre" (o mesmo valendo para mantras de "direita"), etc... Até porque existem militantes, "militontos", "robots", subalternos, interessados, favorecidos, etc. Muitos sem qualquer isenção, muitos sem estudo, uma ampla maioria sem acesso ao processo, etc.

Então, façamos o seguinte: indique para mim três metalúrgicos que alguma vez em toda uma vida tenham declarado cerca de R$ 10 milhões em patrimônio (nem falo de valores não declarados, para facilitar e não falar sobre o que já foi, é e ainda será investigado!).

Aliás, vou facilitar: indique apenas 1 (um) metalúrgico - além do Lula, o "preso político", claro - que tenha um patrimônio desses. Se puder conseguir um metalúrgico que não atua na área e que não tem curso superior, tanto melhor.

Se você conseguir se convencer ou convencer qualquer um sobre a boa origem do patrimônio desse metalúrgico que você indicar (não valem eventuais falcatruas, favores, politicagem, corrupção, tráfico de influência e afins), acredito que será um bom começo.

A propósito, se o Lula não é metalúrgico, ele é o quê? "Político profissional"? Ok. Quais são as milagrosas aplicações financeiras que o ex-presidente fez durante a vida com o seu subsídio enquanto eleito? Preciso muito saber como reproduzir esse verdadeiro milagre da multiplicação!

E antes que diga que aqui tem um "bolsominion", nazista, sexista, fascista, racista, anticomunista ou algo do gênero, já adianto: por mim, pessoas como o Lula (e outros MIL, de direita, esquerda e centro) JAMAIS poderiam voltar à vida política ou sequer prestar qualquer concurso público. Inclua aí boa parte da lista de políticos que você já conhece, pois a corrupção, a desfaçatez, o desrespeito com a res pública é generalizada.

Sofremos as consequências em todas as esferas do poder, diariamente. Acariciar o político profissional de estimação, seja qual for, pelas migalhas recebidas, não ajudará a resolver o problema. Isso é vida de gado.

Perfis que segue

(3)
Carregando

Seguidores

(1)
Carregando

Tópicos de interesse

(3)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

ANÚNCIO PATROCINADO

Outros perfis como Matheus

Carregando

Matheus Alves

Entrar em contato